Subsídio para a prédica

Caderno de Subsídios - Semana Nacional da Pessoa com Deficiência - 2012

01/08/2012

Graça, paz e esperança estejam com todos e todas nós, por meio da fé em Jesus Cristo nosso Salvador. Amém!

Estimada comunidade!

Certo dia, estava procurando um galho seco para realizar uma atividade. Mas não queria qualquer galho seco. Tinha que ser bonito, 'perfeito'. Depois de muito procurar, me contentei com um galho já apodrecendo, bem 'feio'. Hoje, ao me deparar com este texto, percebo minha tolice – não há como encontrar um galho vistoso desprendido do tronco que lhe confere vida!

Somos ramos da videira. A videira nos confere vida, alimento, esperança. A videira é Deus. Dele cremos que nos vem a força necessária para caminhar, seguir nossa jornada. Dele cremos receber também a luz para iluminar, o sal para dar sabor a este mundo e às pessoas.

Ao ouvir de Jesus: “Eu sou a videira e vocês são os ramos”, um sentimento de gostosa pertença nos preenche. Não somos galhos secos, desprovidos de cuidado, soltos sem pai nem mãe! Pertencemos a uma videira viva, em flor e fruto, vistosa e cheia de sabor e beleza. Ela, a videira, graciosamente, alimenta e fortalece seus ramos. Somos ramos vivos a partir da videira. Somos filhos e filhas de Deus, vivos e vivas a partir da vida conferida por Ele.

Não importa que tipo de ramos somos: se pequeno ou grande; se mais frágil ou mais forte. Não importa se somos ramos torcidos ou retos; se lisos ou cheios de arestas. Somos todos ramos vivos da videira em flor!

Em outras palavras: cada pessoa, com sua raça, sua cor, sua etnia, seu gênero, sua deficiência, suas escolhas... – cada pessoa pertence a Deus. São filhas e filhos de Deus – e o Pai concede o alimento necessário para que tenhamos vida.

No texto, também, ouvimos: “Sem mim vocês não podem fazer nada. Quem não ficar unido comigo será jogado fora e secará.” Estas palavras de Jesus não são de condenação nem de ameaça. São palavras de alerta, palavras de quem se preocupa e cuida de seus ramos. De quem se importa. De quem não fica indiferente. De quem quer todas as pessoas incluídas ao seu redor. São palavras de quem sabe que um ramo, longe do tronco que lhe confere vida, fatalmente seca e morre.

Onde mais podemos encontrar consolo para nossas feridas e dores, para aquilo que não dá mais para mudar, senão em Deus?! Senão em sua palavra que diz: “Vinde a mim os cansados e sobrecarregados que eu vos aliviarei”.

“Se vocês ficarem unidos comigo, e as minhas palavras continuarem em vocês, vocês receberão tudo o que pedirem”. Estas palavras são de quem ama a vida e a deseja ardentemente para todos.

Igreja viva é a comunidade que vive estas palavras e acolhe, consequentemente, as pessoas em angústia e dor. Comunidade que abraça, que chora e que ri. Que compartilha, que se coloca a caminho junto a todas as pessoas. Comunidade que confia e permanece unida em Cristo.

Que permanece unida à Videira! Que ama a vida e não mede esforços nem serviço para lutar por mais vida – e vida para todas as pessoas.

Que Deus nos ajude a sermos Comunidade Viva e Inclusiva.

Que Deus nos ajude a olharmos para nós e percebermos que, independente do tipo de ramos que somos, estamos cheios de vida. E vida quer ser vivida. Pode ser sofrida, ora mais, ora menos; mas quer ser vivida integralmente.

Que Deus nos ajude a percebermos que podemos exalar bom perfume e dar frutos, assim como somos. Assim, do jeito que a vida flui em nós, Deus nos ajude a amar e servir a partir das bênçãos que vêm da Videira! Amém!

Bênção

Que a paz de Deus, que ultrapassa todo o nosso entender, falar e ouvir, guarde
os nossos corações e as nossas mentes, em Cristo Jesus. P. Marcos de Oliveira

P. Marcos Aurélio de Oliveira
Ministro em atividade na Paróquia dos Apóstolos
Joinville/SC

Índice do Caderno de Subsídios da Semana Nacional das Pessoas com Deficiência - 2012


Autor(a): Marcos Aurélio de Oliveira
Âmbito: IECLB / Instância Nacional: Secretaria Geral / Nível Instância Nacional: Secretaria da Ação Comunitária
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 16001
REDE DE RECURSOS
+
Quando Deus parece estar mais distante, mais perto de nós Ele se encontra.
Martim Lutero
© Copyright 2024 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br